Ibis Libris Editora lança 4a edição especial de 40 anos de 'Joio & Trigo", de Thereza Christina Rocque da Motta, e "Eletrochoques", de Rômulo Pacheco", confirmando sua posição de uma das principais incentivadoras da produção literária nacional.

  Ibis Libris Editora lança 4a edição especial de 40 anos de 'Joio & Trigo", de Thereza Christina Rocque da Motta, e "Eletrochoques", de Rômulo Pacheco", confirmando sua posição de uma das principais incentivadoras da produção literária nacional.


Crédito: Vitor Vogel



Ibis Libris Editora comemorou, este ano, 22 anos de fundação com muitos lançamentos, participação em eventos, indicações para os Prêmios Jabuti e Oceanos, mas, para terminar com 'chave de ouro', Thereza Christina Rocque da Motta, editora e autora, lança, no próximo dia 11 (domingo), duas obras especiais - "Joio & Trigo", seu primeiro livro em uma 4a edição especial de 40 anos, e "Eletrochoques", de Rômulo Pacheco.


Os lançamentos acontecem simultaneamente na Blooks Botafogo, Praia de Botafogo, 316 (Espaço Itaú de Cinema), das 16h às 19h.





Sobre os livros


JOIO & TRIGO - Quarta edição do primeiro livro da autora, lançado em 1982, que completa 40 anos, prefaciado por Claudio Willer, na 1a edição e Álvaro Alves de Faria, na 4a edição, reúne fotos, cartas e documentos desses 42 anos de carreira literária da autora, que estreou em 1980 com um livro coletivo e fez sua estreia individual com "Joio & trigo". Apresentado também por Olga Savary, tem o reconhecimento de vários poetas, como Dora Ferreira da Silva, Marco Lucchesi, Afonso Henriques Neto, Marina Colasanti, Neide Archanjo e Mauro Salles. Fez parte do movimento de poesia independente iniciado na década de 1970, seguindo até hoje com a vanguarda da poesia nacional. Tem mais de 20 livros de poesia publicados, além de crônicas, uma novela e três livros infantis. Também é tradutora, formada em inglês pela Cultura Inglesa e em Direito pela Universidade Mackenzie.  


Instagram: @tcrmotta
WhatsApp 21-965800499 


Autora: Thereza Christina Rocque da Motta
ISBN 9786589331445
180 p.
capa dura
R$ 60,00


Crédito: Vitor Vogel



ELETROCHOQUES - Rômulo Pacheco nos mostra uma escrita polivalente, que inclui poesia versificada e prosas poéticas originais. Enquanto muitos sustentam a neutralidade ou a abolição do “eu”, do sujeito na poesia, ele toma o caminho oposto. O conjunto dos textos poderia compor o relato biográfico de um “enfermo da alma”, de acordo com Claudio Willer que assina o prefácio. Segundo Nivia Bittencourt, Rômulo não é diferente de você, ou de qualquer um; ele é genérico. Gostam de chamar a isso de universal, mas, a bem da precisão, o que há é a pletora de formações compondo um aglomerado que constitui um Polo muito curioso, tão interessante quanto anódino, a descrever tantas formações diferentes, mas podendo se experimentar único, a se dizer o mesmo, homem comum nesse céu estrelado de Van Gogh – aquele que converteu seu pranto em cores para esbofetear uma sociedade –, conjunto de pessoas convivendo no mesmo espaço e tempo planetário – que não lhe deu lugar ao sol enquanto estava vivo.


Autor: Rômulo Pacheco
ISBN 9786589331421 
144 p. 
brochura
R$ 40,00






Os dois livros são uma manifestação de beleza e estética retratada em forma de poesia, que comovem, sensibilizam e despertam sentimentos. Mas ambos têm sua força e, nas palavras de Thereza Christina, também coordenadora do evento "Ponte de Versos", há 23 anos, incentivando a produção poética, "a poesia aponta uma direção que só o leitor vê. Não sabemos o que ele vê, mas apontamos, para que ele veja. O que vemos só é visto por nós, e isso não importa. O que importa é o que o leitor lê, ouve, entende, sente e responde. Sim, porque responder a um poema é a reação imediata que todos os poetas esperam. E por isso os poemas são escritos. E por isso escrevemos estes poemas. Para causar reações imediatas em quem os lê, como causou em nós, a cada poema que escrevíamos em resposta um ao outro."



Sobre a Ibis Libris Editora


Ibis Libris é uma editora de primeiros livros de prosa e poesia, ficção e não ficção, infantis, juvenis e de cultura em geral. Foi fundada em 18 de agosto de 2000 e hoje tem mais de 600 títulos publicados, principalmente de literatura. Sua fundadora, Thereza Christina Rocque da Motta, é poeta, editora e tradutora. Lançou “Joio & Trigo”, seu primeiro livro de poemas, em 1982. Tem 25 livros publicados, entre eles, “Capitu” (2014), “Breve anunciação” (2013) e “As liras de Marília” (2013). É membro do Pen Clube do Brasil e da Academia Brasileira de Poesia. Fundou a Ibis Libris em 2000, e criou o selo Bisbilibisbalabás em 2002. “Sheherazade” é seu primeiro livro de contos. Em 2021, criou o selo Maat somente para mulheres. Este ano, comemora os 22 anos da Ibis Libris Editora.



Segundo Thereza Rocque da Motta, "a Ibis Libris foi criada para dar voz aos autores que desejam transformar seus sonhos em livros e, com isso, dividir com eles os seus sonhos, como o meu, de ter o seu livro e, posteriormente, uma editora para transformar sonhos em realidade. Hoje, tenho o orgulho de poder apresentar todo esse empenho de 22 anos para provar que a força da mulher está e sempre estará presente".


 

Instagram: @ibislibris



"Escrever poesia

é abrir a ferida

não mais me engano

é partir para o nada

e se perder de vez

no próprio dano

é cavar a vida

em ato insano."


Álvaro Alves de Faria
São Paulo, 8 de agosto de 2016

 
Thereza Christina Rocque da Motta
Ibis Libris
Editora
Rua Pereira Nunes, 395 cob. 1.701
Vila Isabel
20.541-022 Rio de Janeiro - RJ
Tel.: 21-3546-1007 / 96580-0499 


Fotos: crédito Vitor Vogel

Assessoria de Imprensa:
Paula Ramagem

Comentários

Sejam bem-vindos à Cellebriway.
A sua Revista Eletrônica

Postagem Anterior Próxima Postagem