Desembargador participa de comemoração pelos 275 anos de Tiradentes

    Desembargador participa de comemoração pelos 275 anos de Tiradentes


Superintendente de Saúde do TJMG e membro do IHGMG, Bruno Terra Dias falou sobre a importância do mártir para a República

Promovido pela Prefeitura de Ritápolis, evento aconteceu no dia 12 e reuniu representantes de cinco municípios da região do Campo das Vertentes, além de autoridades jurídicas, políticas, militares e civis da região e do Estado (Crédito: Bruno Marques)


O desembargador Bruno Terra Dias, superintendente de Saúde do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) e membro do Instituto Histórico e Geográfico de Minas Gerais (IHGMG), participou das comemorações dos 275 anos de nascimento de Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, na Fazenda do Pombal, em Ritápolis, terra natal do mártir da Inconfidência mineira.

Estudioso da Inconfidência mineira e de Tiradentes, o desembargador Bruno Terra Dias falou, durante o evento, sobre a infância e a vida do mártir e reafirmou que Tiradentes foi, de fato, o "mito fundante da República no Brasil". Com uma abordagem histórica ampla, o desembargador discorreu também sobre o cenário político e financeiro do século XVIII em Portugal e no Brasil.

O evento, promovido pela Prefeitura de Ritápolis, aconteceu no último dia 12 e reuniu representantes de cinco municípios da região do Campo das Vertentes, além de autoridades jurídicas, políticas, militares e civis da região e do Estado. A manhã do dia 12 foi um momento de interação, conhecimento e apreciação de arte, tendo como o ponto central Tiradentes e sua história.

Na abertura da solenidade, houve hasteamento das bandeiras e execução do Hino Nacional ao som do acordeom do historiador Max Hebert e, em seguida, o hino de Ritápolis, executado pelos alunos do quinto ano da Escola Municipal Márcia Serpa, acompanhados pelo músico José Amaral.

Em seguida, foi a vez das apresentações culturais, com o contador de histórias Grão Prior da Liberdade e exposição de arte que ilustra a vida de Tiradentes. O historiador Max Hebert, novamente com seu acordeom, apresentou um passeio musical pela América e Minas Gerais.

Outra atração foi a peça teatral apresentada pelo Grupo Balbúrdia, que abordou aspectos da vida de Tiradentes com Bárbara Heliodora. O show dos músicos Marcelo Silva e Ryan fechou as apresentações artísticas.

Prefeito de Ritápolis, Higino Zacarias de Sousa (à esq.), e o desembargador Bruno Terra Dias (à dir.) homenageiam o coronel PM Adalberto Guimarães Menezes, pentaneto de Tiradentes (Crédito: Bruno Marques)


Memória


O prefeito de Ritápolis, anfitrião da festa, Higino Zacarias de Sousa, ressaltou a importância de manter viva a memória de Tiradentes. Disse ainda que a participação do Tribunal de Justiça de Minas Gerais - bem como do Instituto Histórico e Geográfico de Minas, representado por sua vice-presidente, Márcia Maria Duarte -, foi de fundamental importância para marcar a data.

Além do desembargador Bruno Terra Dias, participaram do evento o pentaneto de Tiradentes, coronel PM Adalberto Guimarães Menezes, o juiz de direito e representante da Chancelaria e Comenda da Liberdade e Cidadania, Auro Maia Andrade, o comandante do 38° Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Luís Fernando, o presidente da Associação dos Municípios da Microrregião dos Campos das Vertentes (Amver) e prefeito de Coronel Xavier Chaves, Chaves Fúvio de Oliveira, além de outras autoridades locais.


Vila


Tiradentes residiu na Fazenda do Pombal até meados de 1757, quando foi morar com o padrinho Sebastião Ferreira Leitão, na vila de São José del-Rei, hoje o município que leva o nome do mártir. A fazenda era sede extratora de açúcar e possuía a casa dos senhores, capela, senzala e engenho.

As terras ficam bem próximas ao Rio da Mortes, onde havia forte extração de ouro no século 18. Parte de tudo o que foi extraído pode ser encontrado em várias igrejas barrocas das cidades históricas de Minas Gerais, como Ouro Preto, Mariana, Diamantina, São João del-Rei e Tiradentes.


Diretoria de Comunicação Institucional - Dircom

Tribunal de Justiça de Minas Gerais - TJMG


Comentários

Sejam bem-vindos à Cellebriway.
A sua Revista Eletrônica

Postagem Anterior Próxima Postagem